Festival de dança conta com palestra de Falabella, cursos e seminários

Não são apenas espetáculos de dança que movimentam o Festival de Joinville. O evento, que nesta 35ª edição será realizado de 18 a 29 de julho, também aposta em atividades especiais que consolidam seu caráter didático e miram o aperfeiçoamento técnico dos participantes.

Um dos destaques é a palestra que o ator e diretor Miguel Falabella, em cartaz atualmente com a peça "God", ministrará no dia 25/7 no Teatro Juarez Machado. Na ocasião, o artista vai abordar temas ligados ao teatro musical e ao mercado de trabalho nesta área.

Lenise Pinheiro/Folhapress
O ator e diretor Miguel Falabella
O ator e diretor Miguel Falabella

Em relação às aulas, as opções cresceram 28% se comparadas a 2016: agora serão 3.480 vagas divididas em 97 cursos, ministrados por 44 professores especializados em dança. A ideia é oferecer uma gama de possibilidades aos alunos, que podem escolher entre se especializar em gêneros como balé clássico, jazz lírico, dança contemporânea, sapateado ou jazz dance, por exemplo.

Todos os inscritos que tiverem o mínimo de 75% de frequência receberão um certificado de conclusão. As vagas podem ser reservadas pelo site oficial até esta quinta (13/7).

Já o 11° Seminários de Dança ocupará a Escola do Teatro Bolshoi do Brasil com palestras, workshops e apresentações de trabalhos acadêmicos, nos dias 26 e 27/7. Os eventos programados para esta edição pretendem estabelecer relações entre a dança e a infância, tendo como base duas proposições.

Uma delas promove uma reflexão sobre os benefícios motores, afetivos, cognitivos e sociais observados em decorrência da pratica da dança pelas crianças, enquanto a outra discute a produção atual de espetáculos voltados ao publico infantil nos últimos 15 anos no Brasil.

A coordenadora do evento é a doutora em teatro e mestre em semiótica Jussara Xavier. As inscrições podem ser feitas clicando aqui.

Publicidade
Publicidade