Feira da Sapatilha reúne 115 estandes com artigos de dança

A Feira da Sapatilha, que começa suas atividades nesta terça-feira (18) dentro da programação do Festival de Joinville, é ponto de encontro tanto para os 7.800 participantes do evento quanto para o público, que invade a cidade catarinense neste mês.

Ao todo, serão 115 estandes com artigos de dança espalhados pelo Expocentro Edmundo Doubrawa, com uma variedade grande de itens especializados e artesanato da região. Ali, bailarinos e profissionais da área fazem a festa conhecendo novas tendências, serviços especiais e produtos em lançamentos, incluindo tipos de sapatilhas, calçados, roupas de ensaio, figurinos, livros, CDs e DVDs.

Divulgação
A Feira da Sapatilha, em Joinville, em 2016
A Feira da Sapatilha, em Joinville, em 2016

A feira, que é considerada a principal do setor no Brasil, também conta com praça de alimentação e apresentações de dança - e fica aberta ao público até 29 de julho, sempre das 10h às 22h (no último dia termina mais cedo, às 20h).

Outra atração são os desfiles de moda, que acontecem nos dias 21, 22, 23 e 25 de julho, das 14h30 às 17h, no Centreventos Cau Hansen, local anexo ao Expocentro.

Na quarta-feira (19), o festival começa a receber a maratona de 1.327 coreografias desta 35ª edição, que somam 240 horas de espetáculos. São 408 grupos vindos de 17 Estados brasileiros, do Distrito Federal, do Paraguai e da Argentina.

Os ingressos estão à venda pelo site oficial.

Publicidade
Publicidade